preloder

O que fazer para evitar atrasos na concessão do pedido de aposentadoria.

Existem, hoje, cerca de dois milhões de benefícios na fila de espera do INSS para aprovação. Imagine a média de tempo que demora para a aprovação desses benefícios?

O INSS, de acordo com a Lei 9784/99, artigo 49, possui no máximo 60 dias para análise do seu pedido e após este prazo ele já está em atraso. Mas o que fazer para evitar esses atrasos? Confira aqui:

Busque o máximo de informações antes de protocolar o requerimento, como documentação necessária, regras, exceções e prazos.
Na hora de fazer o pedido, deixe clara a categoria em que você deseja se aposentar: direito adquirido, regra de transição ou novas regras.
Reúna toda a documentação exigida. Ela deve estar completa, em ordem e sem rasuras.

Para incluir os documentos na plataforma digital Meu INSS, é preciso digitalizá-los de forma legível. Caso você não saiba como fazer isso, busque suporte de um profissional advogado.

Caso você já tenha dado entrada no seu requerimento de benefício e o INSS tenha superado o prazo estabelecido para análise do pedido sem lhe dar qualquer resposta é possível ajuizar um mandado de segurança para obrigá-lo a realizar a respectiva análise.

Cabe destacar que, independente da demora para análise, o INSS deve pagar as parcelas atrasadas de uma única vez, com correção monetária, considerando a data em que o pedido foi feito, marco que é chamado de DER (data de entrada do requerimento).

Para saber mais, entre em contato conosco.



Fale Agora